sábado, 21 de maio de 2011

Você já slingou o seu filho hoje?

Eu já! E a cada dia fico mais apaixonada pelo Sling. Não sei se porque a cada dia minha baixinha está mais pesada... ou se é porque às vezes me sinto grávida de novo! Só que sem a ansiedade de saber como será o rostinho do bebê... poque ela está ali... sorrindo pra mim. Amo!


No início eu tive um pouco de dificuldade de manusear o Sling e como a Joana ainda era muito molinha eu ficava com medo... e ela nervosa. Não conhecia ninguém (ao vivo) que usasse e pudesse me ajudar. Mas ela foi crescendo e eu fui insistindo e ganhando confiança aos poucos. Hoje não vivo sem e só acho uma pena não poder slingar a Júlia também (30kg eu não aguento nem com o Sling)! Joana AMA dormir nesse colinho quentinho!!



O tema da comemoração do dia das mães na escola esse ano foi "Maternagem com Cirandas". Foi lindo! Slinguei por lá também...



Uma pena não ter conseguido boas fotos na ciranda da Júlia, mas foi emocionante vê-la dançar e depois, literalmente, entrar na roda também!! Fica o registro da família toda depois da dança!

 
E pra quem ficou interessado em saber mais sobre o Sling, sua história, seus tipos, suas características, seus benefícios... vale conferir o site Slingando.

3 comentários:

Karen disse...

Sabe que comprei um sling e depois acabei devolvendo? Não consegui me adaptar de jeito nenhum.. Talvez tenha sido o problema que você mencionou: a Helena era muito molinha e chorava muito enquanto eu ficava tentando manobrá-la ali dentro. Acabei devolvendo pra loja. Agora comecei a usar um canguru tipo mochila (ergo carrier), que já usei com minha primeira filha. Vamos ver se a minha princesinha mais nova vai gostar dele também :-)

Patrícia Boudakian disse...

Oi, Fabi, vim retribuir sua visita e descobri um canto super bacana. Que bom! Vou te linkar pra não perder de vista!
Eu adoro slingar. No início também tive dificuldade mas aos poucos fui me adaptando e hoje não vivo sem.
Beijo!

Fabiana disse...

Patrícia, que prazer tê-la por aqui! Bem vinda!! Esse espaço é nosso!
Menina, ninguém me falou que seria tão difícil a adaptação... mas depois é bom demais, né?!!
Joaninha quando vê o sling já quer o colinho quentinho gostoso... e logo rescosta a cabecinha. Uma fofa! E eu me derreto (e me acho!rs)!
bjs